Publicidade
ad
Compartilhar
Últimos guias
Publicidade
ad

Baldur’s Gate 3 é um fenômeno e ninguém pode negar. O jogo reacendeu o RPG tradicional do mundo dos games, trazendo muito além do que apenas uma história. Sua principal mecânica está nos companheiros, que completa muito o jogo. Então, pensando nisso, vamos passar uma lista com os melhores companheiros.

Ao todo, são 10 companheiros, para formar um grupo com 4 participantes. Cada um deles possui um estilo diferente, que complementa bem a gameplay. Contudo, por conta disso, eles possuem forças diferentes e níveis. Lembrando que isso é apenas pela força, porque o jogo oferece uma liberdade, fazendo com que até os piores possam ser jogados bem.

Quem são os melhores companheiros do Baldur’s Gate 3?

Quando se começa a discussão sobre os melhores companheiros, tem um nome que sempre fica no topo de qualquer lista. A Lae’zel é uma das melhores personagens para se ter no grupo. Sua força está no seu dano massivo e sua classe de guerreiro, que consegue dar múltiplos ataques massivos.

Além disso, temos a Umbralma, que pode se encaixar como uma suporte perfeito. Suas habilidades de clériga são perfeitas para buffar, dar debuff e curar os aliados. Ter ela no seu grupo é essencial, para conseguir ter uma sequência de história sem muitas dificuldades. Isso sem contar a sua sequência de história, que é bem envolvente e com lutas excelentes.

Abaixo, temos a lista separada por posição e vamos falar um pouco das forças e fraquezas de cada um. Voltando a ressaltar que o raking não muda nada dentro do jogo. Os companheiros podem variar de acordo com o seu personagem principal. Nada adianta ter dois clérigos no time ou dois guerreiros.

10 – Jaheira (Meia Elfa Alta e Druida): Jaheira é uma companheira interessante, principalmente pela sua subclasse, Círculo da Lua. Seu combate é focado na transformação animal, mas existe outro companheiro que faz as mesmas coisas. Porém, o seu problema está na raça, que não conversa bem com a sua classe.

9 – Minsc (Humano, Patrulheiro): Minsc é um humano que possui um foco em lutas a longa distância. Sua subclasse é de Perseguidor Santificado, focado no dano massivo em um único alvo. E é exatamente esse o seu problema, existem opções melhores em dano em um alvo único, tornando o Minsc um pouco inviável.

8 – Halsin (Elfo da Floresta – Druida): Halsin é um companheiro que a gente conhece cedo no jogo. Sua forma selvagem é bem ampla, permitindo que ele se transforme em urso, logo, aranhas e muito mais. Por conta de ser um personagem que faz um pouco de dano e um pouco de suporte, ele não possui tanta força, sendo pouco escolhido.

Wyll, o humano bruxo de Baldur's Gate
Wyll, o humano bruxo de Baldur’s Gate – Fonte: Reprodução

7 – Wyll (Humano, Bruxo): Wyll é um companheiro bem complexo, por conta da classe Bruxo trazer uma dificuldade a mais. Ele consegue dar um dano alto nas partidas, mas oferece uma versatilidade em sobrevivência. Por conta de ser dificil de jogar e sincronizar, o Wyll se encontra na 7ª posição.

6 – Karlach (Tiefling de Zariel, Bárbara): Karlach é uma poderosa companheira, trazendo uma explosão de dano. Isso fica ainda mais forte por conta da sua subclasse, que é a de Berserk. Mesmo tendo uma Lae’zel como concorrente, a Karlach consegue ser ótima no grupo, conversando bem com táticas mais agressivas.

5 – Gale (Humano, Mago): Se você procura um mago com dano explosivo e em área, o Gale é perfeito para você. Seu dano é explosivo, conseguindo com um grande grupo de inimigos. Um dos seus principais feitiços é a Bola de Fogo, que consegue ser um ótimo feitiço para se iniciar uma luta.

4 – Astarion (Elfo Alto, Ladino): Astarion é forte não apenas pelas suas habilidades dentro das batalhas. Ela consegue dar um dano muito alto em alvos únicos e isolados, mas por ser um Ladino, ele consegue lidar com fechaduras e armadilhas de forma bem fácil. Por isso que na maior parte dos grupos, Astarion se encontra nele.

3 – Umbralma (Meia Elfa Alta, Clériga): A Umbralma é praticamente uma escolha unanime. Ela consegue atuar como uma suporte perfeita, buffando, dando debuff e curando os aliados. E se isso não bastasse, ela é do Domínio dos Truques, fazendo com que ela consiga tankar e dar dano corpo-a-corpo.

2 – Minthara (Drow, Paladina): Minthara é uma aliada bem forte, conseguindo atuar como a linha de frente. A classe de Paladina consegue se fortalecer e entrar no meio dos inimigos. Seu dano é bem alto e ela ainda possui uma cura, ajudando ainda mais nas lutas. Por conta disso, ela disputa bem com a Lae’zel como os melhores companheiros de Baldur’s Gate 3.

1 – Lae’zel (Githyanki, Guerreira): Sem nenhuma surpresa, Lae’zel está na primeira posição. Ela é uma Guerreira poderosa, conseguindo avassalar qualquer adversário, com uma série de ataques. Para ajudar, sua movimentação é bem alta, conseguindo alcançar os magos e arqueiros inimigos. Se quer um aliado poderoso, a Lae’zel é perfeita.

Lae'zel, a githyanki guerreira, uma das melhores companheiras de Baldur's Gate 3

Lae’zel, a githyanki guerreira, uma das melhores companheiras de Baldur’s Gate 3 – Fonte: Reprodução