Compartilhar
Últimas guias

Nos últimos dias, conhecemos as 4 equipes sul-americanas que irão disputar o qualificatório fechado da ESL Challenger Rotterdam 2022 de CS:GO Esports. No primeiro qualificatório, apenas uma equipe ficou com a vaga, sendo que o segundo qualificatório premiou com as três vagas restantes. Confira como foram as partidas e as equipes classificadas!

Fluxo classifica no qualificatório 1

Neste primeiro qualificatório sul-americano, tivemos 16 equipes na busca de apenas uma vaga para o qualificatório fechado. Estiveram na disputa as equipes do Corinthians, Fluxo, O PLANO, FURIA Academy, Isurus, The Union, Paquetá, Furious, Stars Horizon, Sharks, Rehl, SWS, Boca Juniors, Stone, Liberty e Afundaa. A grande final foi disputada entre Fluxo e Sharks.

O caminho até a grande final da equipe do Fluxo começou contra a SWS, sem dificuldades, venceram por 16×7 no mapa Mirage. Novamente sem muitas dificuldades a equipe desbancou a The Union por 16×7 na Inferno. Porém, foi na semifinal contra O PLANO que a equipe suou para conseguir a classificação, 16×13 no mapa Dust2 e vaga na grande final. A Sharks por outro lado não teve vida fácil, venceu a Furious por 16×12 na estreia, depois disso foi a vez da Isurus ficar pelo cainho, com 16×10 no mapa Dust2. Por fim, na semifinal foi a FURIA Academy a vítima, perdendo por 16×12 na Mirage.

Na grande final, o Fluxo não teve dificuldades para garantir a vaga para o qualificatório fechado. No mapa de escolha da Sharks, Dust2, eles foram impecáveis, emplacando 16×4 no placar para abrir a série. Em seu mapa, Nuke, tiveram um começo de partida equilibrado, mas na segunda metade do lado CT, garantiram a vitória por 16×11, e classificação garantida. O grande destaque da série foi Adriano “WOOD7” Cerato.

Qualificatório 2 com três equipes classificadas!

O qualificatório contou com algumas equipes diferentes na disputa, mas a maioria se repetiu do primeiro qualificatório. Tivemos três equipes classificadas, a FURIA Academy, O PLANO e XXXX. A FURIA Academy chegou na partida decisiva derrotando a Sharks por 16×4 no mapa Mirage, avançando para uma partida difícil contra a ODDIK, vencendo por 22×18 na Dust2, avançando para a decisão da vaga contra a The Union. A The Union teve duas partidas sem maiores problemas, vencendo a paiN Gaming por 16×11 na Ancient e a FUSION por 16×7 na Inferno. Na partida decisiva, a FURIA Academy vence a The Union e fica com a primeira vaga do qualificatório 2.

A segunda vaga ficou entre a equipe do O PLANO e Paquestá. O PLANO enfrentou o MIBR Academy na estreia, vencendo por 16×12 na Overpass, depois disso, sem dificuldades a equipe desbancou o Corinthians por 16×6 na Dust2. A Paquetá teve dois jogos tranquilos, 16×8 na Dust2 contra ozbonz e 16×8 contra a Rehl na Mirage. Na partida decisiva, O PLANO vence por 19×16 e garante sua classificação.

Divulgação/O PLANO

Paquetá e The Union disputaram uma melhor de três para decidir a última vaga. Inferno foi o primeiro mapa da disputa, escolha da The Union, que conseguiu vencer por 16×13. A série foi empatada pela Paquetá, que venceu seu mapa de escolha Overpass por 16×9. Tudo foi decidido na Ancient, tendo a Paquetá fazendo uma boa primeira metade, fechando em 10×5, finalizando a partida em 16×7 e vaga garantida para o qualificatório fechado!