Compartilhar
Últimas guias

Está chegando a última etapa de classificação do VCT 2023, o Closed Qualifier. São, ao todo, 16 times disputando por 4 vagas do Evento Principal, no qual dá vaga para o Ascension. Conheça o formato do campeonato, junto com as equipes e calendário das partidas, para que você não perca nada.

Entendendo o sistema de classificação do VCT Brasil

O sistema de qualificação do VCT BR é algo bem consolidado, mas que causa muitas confusões. De forma clara, para um time se classificar para o evento principal, que de fato é chamado de VCT BR, tem que se passar por duas classificatórias. A primeira é aberta, onde qualquer equipe pode participar. 

Essa etapa aberta é bem longa e exaustiva, com muitos jogos acontecendo ao mesmo tempo. Ao todo, são duas etapas, onde em cada uma, oito times se classificam, totalizando as 16 equipes participantes. O seu formato é de eliminação simples, melhor de três mapas, em todos os jogos.

Então, depois de se classificarem, os times participam da Closed Qualifier, onde vão selecionar quatro para o evento principal. O formato é de eliminação dupla (com chave Superior e Inferior), com jogos em melhor de três mapas, exceto as partidas decisivas, que vão ser melhor de cinco. Ao final, quando as quatro equipes estiverem classificadas, teremos, então, o VCT BR 2023 definido.

O evento principal é aquele que vai definir quem vai participar do Ascencion, o campeonato que vai levar um time para a Liga das Américas. Além disso, o VCT BR 2023 já possui 4 equipes convidadas, Gamelanders Blue, Liberty, TBK Esports e Vivo Keyd Stars. Esse convite veio por conta dos resultados obtidos ao longo de 2022. Lembrando que, a vaga da Gamelanders veio por conta da Ninjas in Pyjamas desistir do cenário brasileiro e, por conta disso, a vaga foi para a equipe.

Enquanto as etapas anteriores funcionam no sistema de chaves, o evento principal do VCT vai ter uma fase inicial. Nela, as equipes vão se enfrentar, definindo as posições, para que, dessa forma, participem da chave. No final, teremos o campeão e o representante brasileiro no Ascencion.

Closed Qualifier VCT BR 2023

As 16 equipes classificadas para o Closed Qualifier, do VCT BR 2023 – Reprodução: Valorant Esports

Como já introduzimos acima, são 16 equipes que estão participando do Closed Qualifier. Dentre todas elas, temos alguns nomes conhecidos, sejam de jogadores, como de equipes. Contudo, também tivemos diversas surpresas. Uma das equipes cotadas como classificada e favorita, a RED Canids, acabou não se classificando, ficando de fora da competição.

Mesmo tendo 4 dias de duração, os jogos acontecem num formato bem apertado, dando pouca margem de estudo. Todos os dias terão partidas, acontecendo simultaneamente, tornando as análises mais complicadas. Contudo, mesmo assim, veremos equipes conseguindo jogar um estilo de jogo bem adaptável. E não é para menos. Das 16 classificadas, apenas 3 delas possuem um nome já conhecido no cenário de Valorant profissional.

As equipes classificadas, junto dos seus jogadores, são as seguintes:

Open Qualifier 1

Open Qualifier 2

Calendário de confronto

Os jogos começam no dia 10 de Dezembro, tendo a sua última partida acontecendo no dia 14 de Dezembro. Em todos os dias vão haver confrontos e simultaneamente. Então, para acompanhar, fica um pouco mais complicado. Os casters da Riot Games Brasil, como o Tixinha, Spacca, Bida, Evelynn, xrm, terão o direito de transmitir os jogos em seus canais da Twitch.

Dia 10:

Dia 11:

Chave Superior

Chave Inferior

Dia 12:

Partidas decisivas da Chave Superior, definindo as duas primeiras equipes classificadas para o VCT BR 2023

Segunda rodada da Chave Inferior, com os vencedores da Chave Inferior e perdedores da Chave Superior, vindos do dia 11.

Dia 13:

Vencedores das partidas da Chave Inferior, definindo as duas equipes que vão enfrentar os derrotados nos jogos decisivos da Chave Superior.

Dia 14:

Decisão final, com o confronto dos vencedores da Chave Inferior contra os perdedores da decisão da Chave Superior


Para entender melhor, a tabela abaixo mostra o formato do chaveamento, com os primeiros jogos.

Chaveamento, simplificado, do Closed Qualifier VCT BR 2023 – Reprodução: Valorant Esports

Expectativas do Closed Qualifier VCT BR 2023

É realmente complicado dizer quais equipes possuem maiores chances de classificação. Desde o anúncio das franquias, muitos jogadores romperam os seus contratos, ficando livres para escutar propostas. Com isso, times ficaram desfalcados e junções surgiram. Um dos exemplos é a Acadêmicos do Tucuruvi, que juntou o CTC (Los Grandes), gaabxx (Sharks Esports), RND (Los Grandes) e gtn (MIBR). E não para por aí, a TOP GUN é outro belo exemplo, tendo jogadores como o gustt1nha (Los Grandes), Maverick (Stars Horizon), fuzari (Stars Horizon) e Myssen (Liberty).

Nomes assim mostram que organizações que não investiram ainda ou que já estão no VCT BR 2023, podem contratar tais equipes. Um exemplo, caso a TOP GUN não se classifique, seria fácil imaginar ela atuando numa organização convidada, como a Gamelanders ou TBK Esports, principalmente tendo em vista a falta de jogadores no cenário brasileiro.

Além disso, temos nomes importantes no cenário competitivo, que não estão foram anunciados como jogadores. Jogadores que estavam na Gamelanders, Liberty e até mesmo na RED Canids, que acabou não se classificando, podem acabar aparecendo num futuro. É esperado a volta de nomes conhecidos, junto com algumas revelações. Os nomes mais conhecidos acabaram indo para a Liga das Américas, buscando uma chance no exterior.

Contudo, voltando ao Closed Qualifier, existem algumas equipes cotadas para se classificar. A ODDIK possui uma lineup bem forte e com nomes conhecidos no cenário. É bastante esperado a sua classificação, ainda mais pelos resultados obtidos recentemente, na Open Qualifier. Eles venceram da RED Canids por 2-0, conseguindo impor o seu jogo bem claro e marcante. Além deles, a TOP GUN e os Acadêmicos do Tucuruvi possuem chances reais, principalmente pelo nomes dos jogadores em cada equipe. Claro que, por ser uma classificatória, tudo pode acontecer.

Impactos das franquias nas classificatórias

Um dos pontos mais discutidos, desde o anúncio do sistema de franquias, é como vai ficar o ecossistema do VCT BR 2023. Com a ida de grandes equipes e jogadores para o exterior, o cenário nacional perdeu muito. Times mais fortes, que possuem experiência no exterior, acabam ajudando outras equipes, em treinos e trocas de informações. Quando esses times migram, tais informações deixam de aparecer.

Ainda sobre isso, muitos jogadores expressaram que, com a ida das equipes para os Estados Unidos, o VCT NA vai acabar sendo privilegiado. Claro que isso é muito subjetivo e especulativo. É bem complicado afirmar isso, uma vez que isso ainda não aconteceu. Como são 10 times dentro da Liga, pode acontecer deles se fecharem e jogar apenas entre eles mesmo. Ainda que nas partidas ranqueadas, os jogadores vão acabar jogando no servidor norte americano.

VCT LOCK//IN, o maior campeonato internacional de Valorant, que vai reunir todos os times selecionados no sistema de Franquia – Reprodução: Valorant Esports

Para ajudar os brasileiros, que tanto pedem por participações de equipes internacionais, teremos o LOCK//IN. O maior campeonato internacional de Valorant, vai acontecer no Brasil e promete impactar todo o nosso servidor. São 30 equipes, vindas das três ligas. Ou seja, são mais de 150 jogadores que vão estar no servidor brasileiro, participando das partidas ranqueadas, torneios e tudo mais.

Claro que isso não exclui da situação da migração dos jogadores. Isso, em um futuro, pode trazer certas preocupações. Contudo, outro fator preocupante, é a falta de investimento dentro do cenário nacional. Pelo simples fato da Ninjas in Pyjamas ter deixado o cenário, acaba trazendo certas dúvidas de organizações investindo nacionalmente.

Ainda é esperado que algumas organizações acabem contratando jogadores que estão participando do Closed Qualifier. Outra coisa que é esperado, é a RED Canids acabar comprando a vaga de algum time e voltar com os seus jogadores para o VCT BR 2023.