Compartilhar
Últimas guias

O Last Chance da América do Sul chegou ao fim e para a felicidade dos fãs e torcedores brasileiros, teremos mais uma equipe no VALORANT Champions 2022, o maior campeonato de VALORANT Esports do cenário competitivo.

A classificação da FURIA foi sofrida mas muito comemorada pela comunidade brasileira. Além deles, os chilenos/argentinos da KRU Esports também garantiram sua vaga. Confira como foram os jogos decisivos do qualificatório!

Divulgação/Riot Games

KRU vence a FURIA e garantiu a primeira vaga!

Na Final da Chave Upper, as duas equipes chegaram invictas, valendo a vaga para o VALORANT Champions. Em uma melhor de cinco, a FURIA começou do lado atacante em Breeze, mapa de escolha da KRU, que conseguiu terminar a primeira metade na vantagem mínima em 7×5. Do lado defensivo, os brasileiros não conseguiram parar o forte lado atacante dos chinelos/argentinos, que fecharam a partida em 13×9 e abriram 1 a 0 na série.

O segundo mapa foi Ascent, escolha da FURIA, que foi um mapa com fortes emoções. Começando do lado defensivo, a KRU conseguiu ditar o ritmo do jogo, realizando avanços que a FURIA não estava preparada, viu os adversários fecharem em 7×5 a primeira metade. Da mesma moeda, os brasileiros conseguiram devolver o placar na segunda metade, deixando a partida empatada em 12×12. Tudo foi decidido no tempo extra, com vitória da KRU por 16×14 e 2 a 0 na série.

Por fim, Icebox foi o terceiro mapa disputado, também de escolha da KRU. Do lado defensivo, a FURIA não conseguiu segurar o fortíssimo lado atacante da KRU, que fechou a primeira metade em 8×4. Na segunda metade, a equipe teve muita calma para controlar a partida e não deixar os rounds importantes escaparem. O resultado foi 13×6 e 3 a 0 na série. Com a derrota, a FURIA caiu para a Lower, necessitando vencer uma outra MD5 contra a TBK Esports para ir ao VALORANT Champions!

FURIA 3 a 0 na TBK Esports!

Em confronto brasileiro, a TBK Esports desbancou a Vivo Keyd por 2 a 1, decidindo a vaga para o VALORANT Champions contra a FURIA. Começando com seu mapa de escolha, Ascent, a FURIA viu a TBK terminar a primeira metade na vantagem por 7×5. Porém, do lado defensivo, após um ótimo pistol round a equipe conquistou rounds importantes que fizeram total diferença, vencendo por 13×11 e abrindo 1 a 0 na série decisiva.

Matheus “mazin” Araújo foi o grande destaque do confronto, e isso teve contribuição no segundo mapa também, Fracture. Do lado defensivo, a FURIA venceu pela vantagem mínima de 7×5, com muito equilíbrio. Porém, na segunda metade, foi um show da equipe para emplacar rounds atrás de rounds e fechar a partida em 13×6.

Tudo foi decidido em Breeze, com a TBK necessitando vencer para continuar viva na partida. E até que começaram bem, vencendo a primeira metade por 7×5. Mas a FURIA estava em seu dia, tudo dando certo e alguns rounds encaixando perfeitamente, do lado CT, viraram a partida e somaram os oito pontos que necessitavam para vencer em 13×10, fechando a série em 3 a 0 e garantindo a classificação para o VALORANT Champions!