Compartilhar
Últimas guias

Depois de conhecer mais sobre os campeões do League of Legends, existe um outro sistema, que aparece antes da partida começar. O sistema de runas é algo que se torna um monstro na cabeça dos jogadores novatos. Porém, com uma introdução, os jogadores conseguem entender melhor o seu sistema e começar a montar as runas.

Vamos falar o que cada árvore de runa significa, as suas utilidades. Posteriormente, vamos apresentar as principais runas. O intuito principal é orientar em como usar elas e os motivos de tais escolhas. Dessa forma, ao ver uma determinada sugestão de runa, é mais fácil entender o que está sendo proposto. Além disso, dividimos o conhecimento em duas partes, abordando, na primeira, as runas de Precisão e Dominação.

Árvores de runas

Hoje em dia, no League of Legends, temos 5 árvores de runas, que abrigam todo um sistema dentro delas. Antes de começar a partida em si, os jogadores escolhem uma das árvores, depois selecionando a runa principal. Após isso, o jogador vai selecionando mais uma runa, em cada uma das fileiras. No final, ele seleciona uma segunda árvore, mas ele não escolhe uma runa principal, mas sim duas secundárias, em fileiras diferentes.

As árvores de runas são divididas em Precisão, Dominação, Feitiçaria, Determinação e Inspiração. Cada uma possui particularidades únicas, além de, no mínimo, três runas essenciais. Além disso, as árvores possuem três fileiras de runas, que fornecem certos atributos menores.

Precisão – Torne-se uma lenda

A linha de runa, da árvore Precisão, é conhecida por ser a favorita de campeões Atiradores, Lutadores e até alguns Tanques. Ela fornece mais dano e sustentação nas lutas, permitindo que campeões ampliem a sua efetividade e dando, inclusive, uma sobrevida. Claro que existem alguns casos de utilização dessa árvore com campeões bem diferentes. É comum ver o Kassadin usar a runa de Agilidade nos Pés, para conseguir um pouco mais de sustentação na fase de rotas.

Pressione o Ataque

Passiva: Ataques básicos causados em campeões inimigos, marcam o alvo em até 4 segundos. Caso o tempo se passe ou outros adversários sejam atingidos, a marca vai desaparecer e passar para o último campeão atingido. Ao atingir três marcas, no mesmo alvo, elas vão ser consumidas, causando 40 – 180 (baseado no nível) de Dano Adaptativo no alvo. Além disso, o inimigo fica ‘exposto’, fazendo com que ele sofra entre 8% a 12% de dano adicional, de todas as fontes, por 6 segundos.

Dano Adaptativo funciona da seguinte forma, caso o campeão tenha maior bônus de dano de uma determinada fonte, o dano será daquela fonte. Por exemplo, o campeão causa dano físico e o seu bonus for o mesmo, o Dano Adaptativo será físico. O mesmo vale para dano mágico.

Essa runa é muito usada em campeões que abusam de um dano constante e até do sistema de marcas. A Vayne é um ótimo exemplo para isso. Ela possui uma passiva que, ao causar três ataques num alvo, ela vai aplicar um Dano Verdadeiro. Junto a runa de Pressione o Ataque, o dano vai ser elevado, conseguindo aumentar a sua fonte de dano. 

Por mais que seja uma runa muito forte, ela não é muito indicada para campeões que costumam atingir mais de um alvo. Pois, com isso, ela não vai ficar ativando e aplicando o seu dano.

Ou seja, campeões que focam em um único alvo são os ideais, fora aqueles que possuem, em suas habilidades, um sistema de de marcas. Contudo, não é apenas os atiradores que se beneficiam da runa. Alguns lutadores gostam de usar, como o Volibear e o Pantheon. Ambos conseguem ativá-la rapidamente e aplicar muito dano.

Ritmo Fatal

Passiva: Ataques básicos em campeões inimigos garantem um stack, que dura até seis segundos. A duração aumenta em ataques subsequentes e tem um stack máximo de seis unidades. Cada ataque gera um aumento de Velocidade de Ataque (10% – 15% para corpo a corpo e 5% – 9% para à distância) baseado no nível. Ao atingir a marca máxima, o aumento de Velocidade de Ataque chega a 60% – 90% para corpo a corpo e 30 – 54% para à distância. Além disso, ao atingir o número máximo de stacks, o campeão recebe um aumento de 50 unidades da distância dos ataques.

Se o seu campeão usufrui de Velocidade de Ataque, ele vai utilizar essa runa. Atiradores costumam aproveitar bastante da mesma, conseguindo impactar lutas, com o seu dano e o aumento da distância. Um dos Atiradores que mais gosta de usar dessa runa é a Xayah. Ela já tem uma habilidade de aumento de Velocidade de Ataque e as suas penas ajudam passar por todos os inimigos.

E claro que existem alguns campeões Lutadores que gostam de usar a runa. O fato de aumentar a essa Velocidade de Ataque, ajuda na aplicação do seu dano. Quando a runa foi modificada, para o que ela se tornou hoje, o Jax acabou usufruindo bastante da mesma. Dessa forma, ele conseguia ter um pouco mais de alcance e aplicar mais do seu dano num único alvo. 

Agilidade nos Pés

Único – Energizado: Mover e atacar com o seu ataque básico, gera uma Carga, até 100.

Passiva: Quando o Energizado chegar na Carga máxima, ele vai fortalecer o seu próximo ataque básico. Ao atacar, o campeão vai ser curado em 10 – 100 (baseado no nível) mais 30% do bônus de AD e 20% do AP. Além disso, garante 20% de Velocidade de Movimento bônus, por 1 segundo. Se o ataque for contra minions, a cura terá a sua efetividade reduzida (80% para corpo a corpo e 90% à distância).

Essa runa é usada bem situacionalmente. Por garantir maior sustentabilidade na rota, o seu uso é para campeões que precisam sobreviver. Além disso, se ele for do tipo mais imóvel, ficará complicado aplicar o efeito, uma vez que necessita de movimentar, até atingir a Carga máxima.

Os campeões que a utiliza são bem variados. Alguns atiradores, como o Jhin, tem uma preferência maior na runa, assim como a Miss Fortune. Contudo, um dos exemplos de campeão que gosta de utilizar e não exerce a função de Atirador, é o Kassadin. Por ele ser muito frágil na fase de rotas, ele precisa de um pouco de cura e a Agilidade nos Pés encaixa muito bem.

Conquistador

Passiva: Causar dano a campeões inimigos garante um stack do Conquistador, que dura 5 segundos e é resetado a cada ataque subsequente. O seu stack máximo é de 12 unidades e cada ataque aumenta 2 unidades, caso o campeão for de corpo a corpo e 1 unidade se for à distância. Habilidades, feitiços e itens ativos aplicam o stack do Conquistador, com 2 unidades.

Cada stack do Conquistador garante 1,2 – 2,7 (baseado no nível) de bònus de Dano de Ataque ou 2 – 4,5 (baseado no nível) de Poder de Habilidade. Ao chegar nos stacks máximos, os valores chegam a 14,4 – 32,4 de Dano de Ataque ou 24 – 54 de Poder de Habilidade. Junto a isso, o campeão vai curar em 5% ou 8% (ataque à distância ou ataque corpo a corpo, respectivamente), de Dano pós Mitigação causado a campeões inimigos.

Dano pós Mitigação: Todo dano causado a inimigos, depois de passar por todas as modificações, desde ampliação de dano até resistências.

O Conquistador é uma das runas mais versáteis do League of Legends. Diversos campeões, de várias posições diferentes, gostam de utilizá-la. Por demorar para stackar, os Atiradores costumam evitar a sua utilização, salvo o caso do Ezreal, que consegue aplicar rapidamente, por conta da sua habilidade com pouco Tempo de Recarga

Lutadores, tanques e até alguns Assassinos costumam usar a runa. Ela é a favorita quando se tem a noção que as lutas serão longas e vai ser necessário a sobrevivência. Além disso, campeões da rota do topo costumam usar, para fortalecer as trocas de dano da fase de rotas. Se um campeão lutar corpo a corpo e precisa ficar nas lutas por um tempo elevado, o Conquistador vai ser a runa ideal.

Dominação – Cace e elimine os seus alvos

A árvore da Dominação é conhecida por ser a favorita dos campeões Assassinos ou que precisam caçar os seus alvos. O seu foco é causar um dano mais explosivo nas lutas, seja ele físico ou mágico. Por ser uma árvore específica, são raros os campeões não usuais que costumam utilizá-la. Contudo, mesmo sendo focadas em Assassinos, algumas acabam sendo as favoritas dos Magos, como vamos ver logo mais.

Eletrocutar

Passiva: Causar dano em um campeão inimigo, com ataques básicos, habilidades, itens ativos ou até feitiços, vão garantir um stack. Quando aplicar três stacks no alvo, em um tempo de 3 segundos, um relâmpago será invocado, causando dano no campeão inimigo. Ele irá causar entre 30 – 180 (baseado no nível), mais 40% do bônus AD e 25% do AP, como Dano Adaptativo.

Tempo de Recarga: 25 – 20 segundos (baseado no nível).

A runa do Eletrocutar  é utilizada em campeões que usam habilidades rápidas em um único alvo. Ou seja, alguns Magos Ofensivos, chamados de Bursters, são os que mais utilizam. Além disso, alguns Assassinos costumam usar, pois conseguem aplicar rapidamente.

Assim como pode ser lido, o foco dessa runa é aplicar mais dano. Chegar em um campeão inimigo, usar um conjunto de habilidades e ativar o Eletrocutar, causando o efeito de poke. Campeões como a LeBlanc, Ekko, Ahri, Evelynn, Zed e entre outros são os mais usados com a mesma. Contudo, caso seja perceptível que essas trocas não serão fáceis, existe a possibilidade de usar outra runa, a Colheita Sombria.

Predador

Passiva: Botas ganham o efeito ativo de Predador.

Ativa – Predador: Depois de usar a habilidade, o campeão ganha o efeito de Predador por 10 segundos. O efeito garante um aumento da Velocidade de Movimento enquanto se move na direção de campeões inimigos (numa distância de 3000 unidades). Esse aumento é no valor de 25% – 50% (baseado no nível).

Depois de alcançar o adversário ou acabar o tempo, o próximo ataque básico ou dano de habilidade, contra campeões inimigos, o efeito do Predador vai causar dano no alvo. O dano será de 20 – 180 (baseado no nível) mais 25% do bônus AD e 15% do AP, como Dano Adaptativo.

Tempo de Recarga: 120 – 60 segundos (baseado no nível).

O Predador é a runa essencial para campeões que necessitam de Velocidade para chegar nos seus alvos. Eles necessitam ficar colados nos adversários, para aplicar dano ou precisam apenas alcançá-los. Sua utilização é muito situacional, variando de acordo com a necessidade.

Campeões que jogam na Selva costumavam utilizar com maior frequência. Contudo, com as recentes mudanças, o seu uso começou a diminuir drasticamente. Por exemplo, o Hecarim, que era um dos campeões que mais usufruía da runa, acabou deixando-a de lado. Ele agora está usando o novo smite, que fornece Velocidade de Movimento e a runa Conquistador

Colheita Sombria

Passiva: Causar dano com ataques básicos ou habilidades, contra um campeão adversário, que estiver com a vida máxima abaixo de 50%, irá causar dano e coletar uma alma. O dano é de 20 – 60 (baseado no nível), mais 5 por alma, mais 25% do bônus AD e 15% de AP, como Dano Adaptativo.

Se o campeão que tiver a alma coletada não morrer, o tempo de recarga será ativado, caso contrário, ele será resetado, para 1,5 segundos. Caso o campeão seja eliminado por minions, monstros, torres ou por aliados, a alma será coletada.

Tempo de Recarga: 45 segundos.

A runa da Colheita Sombria é muito utilizada por campeões que gostam de causar dano em alvos. Se as composições são focadas em lutas constantes, é possível aplicar um dano explosivo nos alvos e coletar as almas. Tanto Assassinos, como Magos, gostam de usar a runa, mas ela pode ser facilmente substituída pelo Eletrocutar e Cometa Arcano.

O seu uso é bem popular no modo de jogo ARAM. Por se tratar de um tipo de jogo focado em lutas constantes, as almas são coletadas facilmente. É possível coletar almas de clones, mas não de zumbis. Por exemplo, é possível pegar uma alma no clone do Shaco ou ward do Fiddlesticks, mas tem jeito de coletar no Sion, depois que ele morre e ativa a sua passiva.

Chuva de Lâminas

Passiva: Ao atacar um campeão inimigo, o jogador vai iniciar a Chuva de Lâminas. Ao ativá-la, vão surgir 2 stacks de efeito, que duram 3 segundos. Enquanto os stacks estiverem ativos, os ataques básicos do jogador vão consumir um stack. O efeito da Chuva de Lâminas, ao ativar, é garantir ao campeão um aumento de 100% da Velocidade de Ataque e o limite da mesma é aumentado.

Tempo de Recarga: 12 segundos.

De uma forma mais simples, a Chuva de Lãminas faz com que o campeão, ao ativar, faça três ataques consecutivos, bem rápidos. Com isso, eles conseguem aplicar muito dano, ajudando no abate de um único alvo. Por ser uma runa específica, são poucos os campeões que costumam utilizá-la. Os maiores exemplos são Draven, Pyke e, às vezes, com o Varus.

Outro efeito da runa é ao conseguir aplicar o efeito de reset dos ataques básicos. Alguns campeões conseguem resetar o seu ataque, ao usar alguma habilidade. Com isso, é possível atacar, usar uma habilidade e atacar rapidamente. Ao fazer isso, é aumentando o valor dos stacks em 1.