Compartilhar
Últimas guias

Tivemos início nesta quarta-feira (31) uma das maiores competições do Counter-Strike: Global Offensive, a ESL Pro League. Chegamos a décima sexta temporada, com muitas equipes na disputados US$ 823 mil de premiação total. Na Esports.net você consegue encontrar as melhores notícias CS:GO e toda a cobertura da ESL Pro League Season 16, confira como foi o primeiro dia!

Divulgação/ESL

Ninjas in Pyjamas vs fnatic

A primeira partida do dia foi entre Ninjas in Pyjamas e fnatic. A melhor de três teve início na Ancient, escolha da fnatic, que mostrou um grande lado TR na primeira metade. A equipe venceu o pistol round e emplacou uma sequência ótima, chegando ao 9×1 no placar. A NiP conseguiu se recuperar e finalizou em 11×4 na desvantagem. A segunda metade começou com o pistol round indo para a fnatic, que sem dificuldades venceu os rounds seguintes e garantiu a vitória por 16×4.

O segundo mapa foi escolha da NiP, Overpass. Tirando proveito disso, a fnatic escolheu começar do lado CT e foi um massacre, 14 rounds em sequência para no último round da primeira metade a fnatic somar seu primeiro ponto na partida, finalizando 14×1. Na segunda metade, a NiP venceu o pistol round e sonhou com uma reação, que não foi possível, vitória da fnatic por 16×4 e fechou a série em 2 a 0.

Vitality vs Endpoint

O segundo confronto foi entre Vitality e Endpoint, sendo que o primeiro mapa foi disputado na Vertigo, escolha da Endpoint. A Vitality começou do lado CT, que após vencer o pistol round conseguiu emplacar uma ótima sequência, chegando em 10×1. A Endpoint conseguiu reagir e voltar a partida, finalizando a primeira metade em 10×5. Novamente o pistol round foi para a Vitality, encaminhando a partida até o 15° round, graças a grande atuação de Mathieu “ZywOo” Herbaut. Endpoint até tentou uma reação, chegando ao 10° ponto, mas não foi o suficiente para evitar a derrota por 16×10 no primeiro mapa.

No mapa Inferno, a Vitality escolheu e começou do lado TR. A Endpoint conseguiu vencer o pistol round, mas no primeiro armado da partida a Vitality venceu e colocou seu ritmo, chegando ao fim da primeira metade na vantagem por 11×4. Na segunda metade, os franceses venceram o pistol round e encaminharam a vitória por 16×5, com 2 a 0 na série.

Natus Vincere vs Team Spirit

As apostas CS:GO indicavam a Natus Vincere favorita contra a Spirit e isso se concretizou. No mapa de escolha da Spirit, Nuke, a NaVi começou mal, perdendo o pistol round e ficou em desvantagem por 5×1. Porém, uma ótima recuperação fez com que a equipe buscasse o placar, fechando a primeira metade em 9×6. Na segunda metade, novamente o pistol round ficou com a Spirit, obrigando a NaVi correr atrás do prejuízo, e conseguiu. Boa recuperação para fechar o mapa em 16×11.

No último mapa do dia, a Natus Vincere fez valer sua escolha de mapa, Dust2, colocando uma ótima vantagem ao fim da primeira metade, em 11×4. Na segunda metade, controlou a partida e fechou em 16×9, com 2 a 0 no placar. O destaque foi para Valeriy “b1t” Vakhovskiy, líder em eliminações, dano e assistências.