Compartilhar
Últimas guias

A TropiCaos, organização brasileira de esports e entretenimento, inaugurou neste mês de novembro o maior complexo para treinamento do país. Chamado de Centro de Excelência em ESports e Entretenimento (CE3), foi construído em Sorocaba, interior de São Paulo, e o investimento foi de mais de R$ 5 milhões.

A infraestrutura oferece não apenas treinamento e preparação para seus atletas, mas abrigo para os familiares dos jogadores e para os Agentes do Caos, criadores de conteúdos parceiros da marca. Atualmente, a TropiCaos possui 6 line-ups competindo no cenário de: jogo Counter-Strike: Global Offensive, Valorant esports, Rainbow Six competitivo e eventos de Free Fire.

O complexo conta com 5.000 m², e segundo Rodrigo Martinez, também conhecido como Rodra, CEO da organização, esta inauguração é um marco importante para a expansão da marca, criada em 2021.

“Nossa intenção, além de criar algo que eleve o nível ainda mais desse segmento, é criar, a partir do espaço, um hub que logo terá acoplado a ele conteúdo, entretenimento e negócios, mostrando todo o potencial que nosso setor possui”, afirmou Rodra.

O investimento também visa ampliar o setor de produção de conteúdos da marca e, segundo Lucas “Chuck”, Head de Conteúdo da TropiCaos, o futuro reserva grandes novidades, como um programa de turismo pelo nosso país, e um programa exclusivo para a culinária brasileira”.

Mas não pára por aí. Há ainda um projeto jornalístico independente especializado em cobertura de esports, chamado Donos do Caos. “Não se trata de uma game house. Aqui vamos fomentar os talentos, vamos focar na formação e na capacitação das pessoas”, disse Rodrigo Martinez, o Rodra.

O que é a TropiCaos

Fundada em 2021, a TropiCaos é uma organização ainda muito nova e cheia de potencial. Com 6 elencos em 4 modalidades de jogos (CS:GO, Valorant, Rainbow Six e Free Fire), o time de Free Fire chegou à Série A deste ano, e ficou com a penúltima colocação.

A equipe de Rainbow Six da TropiCaos comprou a vaga da INTZ no Brasileirão, ficando em último lugar na temporada. A criação do CE3, maior complexo de esports do país, será um importante espaço para treinamento e desenvolvimento das equipes.

A TropiCaos sempre exaltou a brasilidade no universo gamer, e foi a primeira organização da América Latina a metrificar seus ativos digitais no mundo dos esports.