Publicidade
ad
Compartilhar
Últimos guias
Publicidade
ad

Para finalizar a segunda fase do grupo Alpha, no VCT LOCK//IN, tivemos um dia memorável para a região do Pacifico. Tanto a DRX, quanto a Talon Esports conseguiram vencer os seus confrontos, mandando para casa dois times dos Estados Unidos. Cloud9 e Evil Geniuses se despediram do campeonato, depois de uma jornada emocionante, confira:

DRX x Cloud9 – Coreanos fizeram a Cloud9 sofrer

Jogadores da Cloud 9
Jogadores da Cloud 9

O primeiro confronto do dia teve a DRX enfrentando a Cloud9. As duas equipes haviam tido partidas de estreia boas, marcando os seus nomes no LOCK//IN. Além do placar de 2-1, a série foi marcada por resultados de placares elásticos. Mostrando que os times estavam preparados para vencer os seus mapas de escolhas.

A Pearl foi uma escolha da Cloud9, com a equipe começando no lado defensor. Mais uma vez, vimos composições bem diferentes, mostrando que o meta ainda não está tão definido no mapa. Foi Phoenix, Skye, Astra, Sage e Killjoy pela Cloud9 e Jett, Kay/O, Sova, Astra e Viper pela DRX.

Logo na primeira metade, a defesa norte-americana se mostrou bem sólida. A C9 não deixava brechas abertas e conseguiu fazer um placar de 9-3. Quando os lados viraram, esperava-se que seria a vez da defesa coreana. Porém, ela não apareceu e foi atropelada pelos seus adversários, que fecharam o mapa em 13-3.

Na Haven, escolha da DRX, vimos, novamente, um ataque dominador. Os coreanos começaram implacáveis, deixando os jogadores adversários perdidos. Com um placar de 9-3, a DRX foi para a defesa sem muitos problemas. Mesmo com a Cloud9 buscando alguns pontos, o mapa terminou em 13-7 para a DRX, levando tudo para o terceiro e último mapa.

Então, chegou o momento da Icebox, como a grande decisão das equipes. Começando no ataque, a DRX emplacou um ritmo absurdo em cima dos seus adversários. Foram seis rounds ganhos seguidos, que foram interrompidos por apenas um ponto da Cloud9. O placar da primeira metade terminou em 11-1, que depois terminou em 13-2.

Quem recebeu o MVP da série foi o MaKo, o controlador da equipe, que jogou de Viper e Omen.

Evil Geniuses x Talon Esports – A série das emoções

Jogador da FPX dando entrevista
Jogador da FPX dando entrevista

Para finalizar o dia, foi a vez da Talon Esports subir no palco, para jogar contra a Evil Geniuses. Esse confronto prometia muitas emoções e entregou até de sobra, mesmo com o placar de 2-0. Ambos os placares foram acirrados, com muitos momentos de clutchs e reviravoltas.

O mapa inicial foi a Haven, escolhido pela Evil Geniuses. Era esperado, novamente, uma vantagem absurda no ataque. O mapa vem sendo desbalanceado nesse lado, deixando as coisas um pouco previsíveis. Contudo, a história foi outra. Começando no lado defensivo, a EG conseguiu impor o seu ritmo em quase todo o momento. Com isso, a equipe fechou a primeira metade em 9-3.

Com esse placar, a EG tinha um trabalho simples – fazer mais 4 pontos e no ataque. Contudo, a história foi mais complicada. A defesa do Talon estava bem sólida, conseguindo reverter o placar desfavorável. No final, a equipe tailandesa fechou o mapa em um 13-11, com direito a virada.

A Split foi escolhida para ser o segundo mapa, por escolha da Talon Esports. Por ser apenas a segunda vez que o mapa aparece no VCT LOCK//IN, os torcedores esperavam de tudo. As composições até chegaram a ficar semelhantes, mas a base era bem diferente. A Talon optou por jogar de Raze, Kay/O, Skye, Astra e Viper. Em contrapartida, a Evil Geniuses escolheu jogar de Raze, Breach, Kay/O, Astra e Killjoy.

Novamente, a EG dominou o lado defensor, com diversas táticas e rotações velozes. Com isso, a equipe norte-americana voltou a repetir o placar de vantagem, terminando, dessa vez, em 8-4. Quando os lados viraram, foi a vez da Talon fechar os bombs sites e fazer a sua defesa impenetrável.

A Evil Geniuses encontrou diversas falhas em seus ataques, pontuando apenas duas vezes. Com isso, o mapa fechou em 13-10, consagrando a Talon Esports como a vencedora e dando adeus para o time norte-americano. O MVP da série foi para o JitBoyS, o iniciador da equipe, que jogou de Breach e Kay/o.

Próximos jogos do VCT LOCK//IN

Os jogos do grupo Alpha estão acabando, definindo as equipes que estarão presentes para os playoffs. Lembrando que, ainda, terão os jogos do grupo Ômega, onde teremos a FURIA, Sentinels e KRÜ jogando. Confira os próximos jogos:

Domingo (19)

A partida entre DRX e Talon Esports será um duelo de regiões iguais. Com isso, poderemos ver como os estilos parecidos se comportam, mostrando um pouco do que podemos esperar do VCT Pacifico. Contudo, o maior hype está para o primeiro confronto, entre LOUD e NRG.

Essa partida, entre a LOUD e NRG, é como um replay do ano de 2022. As duas equipes possuem três jogadores que disputaram alguns títulos no ano anterior. Contudo, na época, os norte-americanos defendiam a OpTic Gaming. Saadhak, Less e aspas vão trombar contra FNS, Victor e crashies.