Compartilhar
Últimas guias

A fase inicial do mundial de Free Fire aconteceu nesse sábado (14), colocando mais uma equipe brasileira na final do campeonato. Vivo Keyd demonstrou nervosismo na primeira queda, mas conseguiu fechar a série com 82 pontos e 32 abates. Nessa fase de play-in, 4 equipes avançam e vamos mostrar a trajetória dos brasileiros nesse evento.

Os jogos foram disputadíssimos, e até a sexta e última queda não era certo da equipe brasileira se classificar. ECHO carimbava seu primeiro Boayah na primeira queda, já Attack All Around mostrava extrema agressividade nos duelos. Apesar disso, a equipe brasileira demonstrou cautela, obtendo a classificação e se juntando à LOUD na fase final do torneio.

Vivo-Keyd-Free-Fire

Vivo Keyd classificada

Após uma conturbada primeira queda, os brasileiros iriam mostrar excelência em Kalahari. Os primeiros confrontos ocorreram 2 minutos após o início da queda, com a LGDS e Fuego disputando pela região. Após uma limpa pela a equipe taiwanesa, chegou a hora dos brasileiros enfrentarem a LGDS, e assim obter o domínio da região.

Logo depois, os brasileiros optaram por rotacionar para o limite da zona segura, eliminando adversários e entrando para a disputa do Booyah. As outras equipes tentaram, mas o avanço da Vivo Keyd era impecável. Méritos ao jogador “DeadGOD” que segurou o Booyah para equipe, além de ser tornar o MVP da queda.

O próximo Booyah da Keyd veio de forma semelhante. A equipe se manteve afastada, evitando confronto e priorizando estratégia nesta quarta queda. O jogador “General” liderou o número de abates, se tornou MVP da queda e ainda entregou o Booyah para a equipe brasileira. Tudo estava se encaminhando para os brasileiros se classificarem, alguns já com as apostas em Free Fire em mãos.

Até a sexta queda, não era certo quem iria avançar para a final. A equipe Fuego se despediu logo no início, encontrando com a Todak no começo da queda. Logo após, era vez da própria Todak se despedir ao cair nas mãos da LGDS. Enquanto isso Keyd se mostrava cautelosa, quase levando outro Booyah, mais importante se classificando para a final.

Colocação geral

Apesar do maior número de Booyah, Vivo Keyd ficou em terceiro lugar pelo número total de abates. Felizmente, essa diferença é de apenas 2 pontos em comparação ao primeiro lugar, e mostra que a equipe tem condições de ganhar o Free Fire World Series.

Veja abaixo o resultado:

  1. ECHO Esports
  2. Attack All Around
  3. Vivo Keyd
  4. V Gaming
  5. Ignis Esports
  6. LGDS
  7. All Stars E-Sports
  8. House of Blood
  9. Todak
  10. Fuego

]É importante mencionar que “Kenoro” da Attack All Around ficou com o título de MVP dessa fase de Play-in, com 16 abates. Número sem precedentes, nessa etapa do campeonato.

Vivo Keyd se junta a Loud

LOUD que já se encontra classificada para a final ao ganhar a LBFF, se junta agora a Vivo Keyd para disputar a etapa final do torneio, dia 21/05. O campeonato que é sediado em Singapura, conta com dois representantes Brasil dando seu melhor show, possuindo chances reais de levarem para casa a sonhada Free Fire World Series. Lembrando que a primeira queda é 10:00hrs, e você pode acompanhar no Booyah! ou pelo canal oficial no YouTube. Vamos cobrir essa série, não fique de fora das notícias de esports aqui na Esports.net!